Base Avon True Color Flawless | Efeito Matte e 18 tons*

12
mai

OH MY GOD! Desculpem pessoas lindas, mas só consigo começar este post assim: OH MY GOD! Como assim 18 opções de cores para eu me perder e pirar? Quando, QUANDO eu encontraria DEZOITO tons de base que supre minha família inteira? Isso é divertido, isso é maravilhoso, isso é pura emoção.

Okay, passado meu acesso de alegria bora falar da Flawless. Amo isso: FLAWLESS.

A nova base da Avon vem em uma embalagem de 30ml e possui FPS15. Além disso conta com a tecnologia Cor Fiel; que nada mais é do que se adaptar ao seu tom de pele. Você aplica a base e ela se adapta, isso quer dizer que fica o mais natural possível.

Sei que vocês podem me perguntar da cobertura. De acordo com a marca é um produto para usarmos todos os dias e possui cobertura leve. Na minha opinião, após usar diversas vezes durante horas, percebi que ela tem cobertura de leve à média e você pode construir camadas. OU SEJA, se quiser cobrir mais, passa mais base, se quiser ser plenamente natural, uma camada bem leve é o suficiente.

Fiz um vídeo falando sobre o lançamento e também mostro como aplico na pele:

A minha cor é Mel Claro, já a minha mãe usa Mel Escuro, minha irmã ficou com a Cacau. Se você tem alguma dúvida, tento ajudar com estas duas imagens:

Gostei muito desta base! Não apenas pela variedade imensa de tons, mas porque ela cumpre exatamente o que promete. Um acabamento natural, matte confortável, e se ajusta ao tom de pele.

Quanto? R$46,99 (na campanha de lançamento R$29,99)

Beijos
Mah

 

Imagem Publicidade

 

 

 

 


Postado por Mah às 13:32 na(s) categoria(s) Pele, Publi

Você poderá gostar também de:





//

Mil Maraisas em uma: e tudo por um cabelo!

18
abr

Ai essas mudanças capilares! Eu realmente não sei o que aconteceu comigo depois que comecei a descolorir o cabelo. Primeiro foi a fase  loira; mais loira, mais loira ainda, loira claríssima aloka hahhahahhah. Depois comecei  brincar com o matizante em casa e percebi que poderia ficar rosa, roxa, azul…. Aí fui pro salão para deixar a cor de vez. E agora estou com os fios roxos.

Sabe, eu já disse isso diversas vezes mas preciso repetir: Eu não sabia que podia fazer TUDO ISSO com o meu cabelo. Eu não sabia que ele era tão versátil, que eu poderia pintar de cores fantasias, que eu poderia prender, usar lenços e até mesmo sair sem arrumar porque ele é LINDO! Na minha adolescência isso não foi dito, eu via o meu cabelo como fora do padrão e ainda o feio, o errado da sociedade.

Esta minha inquietude por mudar, que eu sinceramente atribuo ao meu signo aquário (adoro jogar a culpa das coisas nos signos hahahha), fez com que eu descobrisse diversas Maraisas dentro de apenas uma.

Tem dia que quero sensualizar, outros fazer a rebelde, alguns prefiro fazer a bela recatada e do lar, e ainda há os dias que misturo todos os estilos em um e minha mãe pergunta “Você vai sair assim filha?” Eu apenas digo sim e saio feliz da vida! Sabe quando o seu cabelo deixa de ser um problema? Sabe quando aquilo que te incomodou por anos fez as pazes com você e agora o foco é só cuidar? Pois então, hoje esta é a relação que euzinha tenho com o meu cabelo crespo.

Entretanto eu não posso deixar passar uma coisa: HAJA CUIDADO! Cabelo crespo é fino, delicado, fácil de quebrar. Eu descoloro e ainda taco tonalizante por cima e matizo com frequência. OU SEJA: Sou neurótica e estou sempre conferindo no espelho como o cabelo está. Depois de quase quatro anos eu já consigo me entender com ele e saber do que ele precisa. Mas pintar? Só no salão! Apenas com o Wilson Eliodorio (Av Rebouças, 3454 – tel 11 3812-6448) que é o melhor no que faz!

A montagem deste post mostra todas as cores que tive apenas este ano. Vejam bem, estamos em abril e eu já fiz tudo isso. O que os próximos meses reservam? Eu sinceramente não sei porque já tenho mil ideias na cabeça, mas vocês me acompanharão por aqui ou mesmo no Instagram.

O que eu quero mesmo é mostrar para vocês que SIM cabelo crespo é bonito, versátil, pode pintar de tudo quanto é cor e ainda te faz cada dia mais linda e confiante. Se você quer assumir, não desista! O resultado será incrível!

Beijos
Mah

 


Postado por Mah às 13:40 na(s) categoria(s) Cabelos

Você poderá gostar também de:





//

Lush e os Auto-Conservantes

17
abr

Lá em 2013 eu fiz um post explicando o que são os parabenos e qual a função deles nos produtos que tanto utilizamos. Lembro muito bem que o assunto estava à todo o vapor por ligarem o uso destes componentes ao câncer de mama além de algumas pessoas serem alérgicas a tal.

O post inteiro você pode ler aqui. Mas simplificando e resumindo: parabenos são substâncias que conservam o produto. Metilparabeno, Etilparabeno, Propilbarabeno… além da fórmula química, a diferença está em qual textura de produto cada um será utilizado para conservar: líquida, aquosa, gel, creme…

Dito isto (espero que tenham lido o post anterior) posso partir para o assunto do post em questão: Os auto-conservantes da Lush. Pelo nome dá para perceber vagamente que autoconservante seria um produto que NÃO possui nenhum conservante sintético em sua composição certo? CERTÍSSIMO! Pois quando eu soube disso, que na Lush 65% dos produtos são autoconservantes eu quase tive um treco! Você me pergunta: “Mas por que Maraisa?” Eu te respondo: Vocês conseguem entender o quão mágico e incrível é isso? Uma empresa conseguir tirar conservantes sintéticos da maioria de seus produtos comercializados é algo que eu admiro pra caramba!

No meu post de quatro anos atrás eu fiz uma comparação comentando como que conservávamos alimentos antigamente: SAL. Pois este é um dos ingredientes que conservam os produtos da marca além de MEL, AZEITE DE OLIVA, GLICERINA, MANTEIGAS NATURAIS, ARGILAS E PÓS. 

Os três produtos mais vendidos e os primeiros a serem feitos de maneira autoconservante foram: Dream Cream (hidratante para as mãos e corporal – azeite de oliva), Ocean Salt (esfoliante – sal) e Mask Of Magnaminty (máscara facial – mel). Possuem a versão com conservantes sintéticos também, e o mais difícil para a marca foi manter a qualidade e eficácia dos produtos trocando os conservantes. As duas opções possuem diferenças mínimas como cor, textura e fragrância. Aí varia de cliente para cliente.

O que faz um produto “estragar”?

ÁGUA! Simples e puramente a água. Quanto mais água aquele produto tiver na sua composição, menor é a sua validade. Vide que após abertos, os produtos líquidos possuem uma vida útil menor do que os pastosos que também “vivem menos” do que os produtos em pó. Mas então, como não colocar água em um produto?

Isso é muito, mas MUITO difícil. Então, a solução é mascarar esta água dentro da composição. Não é quanto de água temos no produto, mas sim o quanto de água disponível para entrar em contato com o ar e estragar o produto. Exemplo: Um creme possui 40% de água na composição, mas como tem outros ingredientes misturados, apenas 5% desta água fica “exposta” e passível de contaminação. Como “escondê-la”?

Pois é aí, meus amigos, que entram os conservantes naturais como o MEL. O mel ele praticamente engana as bactérias que quiseram se proliferar na água. Por quê? Explicando de maneira bem simples: Como é pastoso, ele engloba as moléculas de água e faz com que bactérias não cheguem até elas, diminuindo assim a quantidade de água disponível para proliferação.

Já as barras de massagem e alguns cremes mais pesados possuem manteigas de cacau e karité como conservantes por, quando em contato com óleo e água, criarem uma emulsão firme não deixando espaço para os micróbios se proliferarem. Além disso, hidratam de forma absurda a pele.

Máscaras frescas (que são vendidas apenas em lojas), sabonetes em barra vendidos por gramas, shampoos sólidos, bombas e espumas de banho; todos são autoconservantes. Alguns cremes e géis de banho possuem sua versão autoconservante.

Acima temos o sabonete facial Fresh Farmacy que é conservado com argila, os desodorantes em pó e em barra que possuem bicarbonato de sódio na composição.

O que mais me alegra em tudo isso e fez com que eu fizesse um post é você poder escolher exatamente o que está comprando. Saber a composição de produto e tudo o que cada ingrediente faz na fórmula e na sua pele. Quando você para e lê um rótulo da Lush, consegue entender o que está escrito e, caso precise de ajuda, algum vendedor saberá tirar a sua dúvida sobre qualquer componente e sua função naquela fórmula.

É como se fôssemos comprar manteiga versus margarina. Já viram a diferença na composição de cada um destes produtos? Já viram como a margarina possui palavras que não entendemos? Já a manteiga é a melhor opção por conter ingredientes simples e que sabemos de onde vem.

Antes que alguém pergunte: Não, este post não se trata de uma publicidade! Eu sou completamente apaixonada pela marca e por este assunto. Entender o que contém nos produtos e como eles agem na nossa pele, rosto, cabelo me deixa fascinada. Tá, algumas pessoas podem não entender este fascínio todo, mas ver que um conservante sintético, feito em laboratório e usado loucamente pelo seu baixo custo pode ser substituído por produtos naturais, é uma maravilha sem tamanho para quem ama cosméticos!

Espero que este post tenha ajudado e elucidado um pouco quem não entendia sobre os produtos autoconservantes. Se você é química ou químico, entende mais sobre o assunto e quiser ajudar com alguma observação nos comentários, sinta-se à vontade!

E por fim, vou fazer aloka e indicar uma vendedora que AMO na loja do Morumbi Shopping: Marcela. Melhor pessoa, uma paciência absurda, sabe de praticamente tudo e te trata com um carinho que é excepcional. De todas as lojas da marca que já fui em SP, é lá que sou melhor atendida e que realmente me sinto em casa! Já virei amiga e tem dias que passo apenas para dar oi. <3

Mil Beijos
Mah

 


Postado por Mah às 11:55 na(s) categoria(s) Pele

Você poderá gostar também de:





//

24 Horas sem Reclamar

15
abr

Começo falando que isso não é uma tarefa fácil para mim. Juro, reclamo de quase tudo mesmo que mentalmente. Mas aí você me fala “Maraisa, então pra que você inventou de ficar um dia inteiro sem reclamar?” Explico!

Estava conversando com minha amiga Rita sobre a vida. Sim, sou dessas! Tem dias que resolvo refletir sobre a vida e questionar algumas atitudes que tomo perante os problemas. Nisso percebi que minhas reclamações, em sua maioria, não adiantavam de nada! Sabe, não eram palavras que mudariam o curso dos acontecimentos ou mesmo a atitude de alguém, eu proferia apenas para reclamar mesmo.

Aí Rita disse: “Mara, eu fiz um teste que achei bem legal! Ficar um dia inteiro se reclamar de nada; acho que você deveria tentar! Sei lá, a gente desliza, se segura mil vezes mas depois percebe que reclamar é um vício.”

PRONTO! Lá vou eu passar essas 24h sem reclamar e ainda chamei toda a Família Fidelis AND Baby para participar comigo.

A experiência foi bem engraçada! Porque nós decidimos o que configuraria reclamação e qual a punição para quem deslizasse mais. O resultado? Passamos a pensar MIL VEZES antes de falar e perceber se REALMENTE era necessário fazer aquele comentário/reclamação. A situação era tão ruim assim que precisávamos reclamar? Qual o real fundamento daquela reclamação jogada ao vento?

Além disso, eu acredito muito no poder das palavras, na energia que elas carregam e que depositamos nelas. Quanto mais coisas boas você emana, mais coisas boas você atrai. Quanto mais coisas ruins você emana, mais coisas ruins você atrai; e percebi CLARAMENTE que o dia passou mais leve. Sim, eu deslizei em alguns momentos, mas achei BEM divertido!

Um fato interessante que preciso mencionar: as pessoas não acreditam que você conseguirá. Tá, a gente não precisa da aprovação de ninguém, ainda mais para mudar de atitude durante um dia. Mas foi incrível o número de comentários negativos que recebi! Assim “Você não conseguirá!” “Nossa, duvido!” “Quero ver se dura uma hora assim” “A MARAISA? Noossa, NUNCA!”. Analisando isso percebo que a gente não deposita ou apóia uma mudança para melhor no outro e prefere colocar empecilhos no desafio proposto. Por que será que temos esta mania de achar os defeitos em algo ao invés de incentivar e comemorar?

Na minha cabeça parece que estamos condicionados a ver o copo meio vazio SEMPRE. Por que isso? Por que ver o lado negativo ao invés de tentar e se divertir por pelo menos 24 horas? Queria entender o motivo que nos fez agir desta maneira.

Só sei que depois deste dia eu passei a prestar mais atenção nas minhas falas. Sim, uma vez ou outra sai reclamação, mas já me propus a reclamar menos do que antes; a olhar o lado bom das situações em que estou inserida; a pensar que amanhã o dia será melhor. Não, não virei uma pessoa zen porque sou atacada e bem longe disso. HAHAHHAHAHAH Mas prefiro proferir palavras positivas que agregam em minha vida do que reclamações vazias e sem fundamento.

Vamos tentar? Chama mais alguém para ser divertido e depois extende para uma semana, um mês… O resultado é bem surpreendente! Depois voltem aqui para me contar tá?

Beijos
Mah


Postado por Mah às 11:06 na(s) categoria(s) ETC

Você poderá gostar também de:





//

Conheci a nova Drogaria Onofre | Agora da rede CVS*

29
mar

Olá pessoas lindas, tudo bom?

Neste final de semana fui convidada para conhecer o novo conceito da Drogaria Onofre. Aí você me pergunta: “Mas Maraisa, o que pode mudar em uma drogaria?” Eu te respondo: Agora ela faz parte da rede CVS, SIIIMMM! Aquela rede de farmácias norte americana que tem lojas enormes e divididas por mundos (seções).

Não sei para vocês, mas ir à drogaria e comprar apenas uma coisa é uma tarefa bem difícil para mim hahaha. Lá na Onofre são mais de 11 mil itens para nos perdermos loucamente e querermos fuçar mais e mais. O que me alegrou bastante foi a parte de beleza (óbvio!). Além de muitas marcas que antes não eram comercializadas por lá, tem espelho, cadeira, testers e ainda uma luz ótima para você ver se o produto ficou realmente bom na sua pele.

A primeira drogaria a receber o novo conceito foi a Onofre da Rua Oscar Freire aqui em São Paulo, com um layout lindo, limpo, fácil de achar o que precisa e bem dividido. Basta olhar para cima que achamos os mundos rapidinho: Pais e Filhos,  Sentir-se Bem, Cuidar de Você e Medicamentos.

Até o final deste mês de março, nas compras acima de R$150,00 você ganha um brinde especial. E este valor envolve todas as seções que lá são denominadas como mundos (como eu disse no comecinho do post), menos medicamentos.

Mais algumas imagens na tela para vocês verem como a loja está interessante. <3


Confesso ser uma perdição para aquelas pessoas que não se controlam, mas também é um lugar onde  você conseguirá encontrar praticamente tudo que precisa de uma só vez. Praticidade, um lugar confortável e bem tranquilo. =)

Beijos
Mah

 

Imagem Publicidade


Postado por Mah às 14:30 na(s) categoria(s) Publi

Você poderá gostar também de:





//